23 dezembro, 2010

Concurso Artístico “Nas Asas do Natal” - Resultados



2º Ciclo

Parceria: BE e EVT

Tema: “A Árvore de Natal”
Produção Artística em formato de Postal

Desenharam e pintaram
“Voaram” com imaginação
Recortaram e colaram
A árvore no coração.

Eis os resultados do concurso:

1º Lugar - Beatriz Barandas, 6ºI

2º Lugar - Inês Cadima, 6ºI

3º Lugar - Beatriz Santos, 5ºG


Menções Honrosas:

Ana Rita Santos, 6ºH
Diana Estrela, 6ºI
Vanessa Fidalgo, 6ºI
Ana Filipa Pires, 5ºG (trabalho colaborativo – aluna e encarregada de educação)

Todos os premiados receberam um diploma e os três primeiros lugares receberam um livro, oferta do Agrupamento de Anadia.

Parabéns aos jovens artistas!

22 dezembro, 2010

Ano Europeu do Combate à Pobreza e à Exclusão Social | Campanha de Angariação de Livros



Ser um cidadão interventivo e responsável implica responsabilidades perante a sociedade. A Biblioteca Municipal de Anadia lançou o desafio de angariação de livros destinados a famílias abrangidas pela Comissão de Protecção de Crianças e Jovens, e a turma do 5ºG aproveitou, entrando na “corrida”. Tendo como pano de fundo a solidariedade, esta campanha articulou-se bem com os seus objectivos, desenvolver ao longo do ano lectivo actividades relacionadas com o seu Projecto Curricular, “A Cidadania”. E da teoria à prática foi um salto, com muito bons resultados. Desde a produção do cartaz de sensibilização, à decoração das caixas para a recolha dos livros, passando pela sua colocação em locais estratégicos (escolas do 1º Ciclo de Vilarinho do Bairro e de Poutena, farmácia, supermercado, pastelaria, sala dos professores e Biblioteca da nossa escola), até à fase final que foi recolher as caixas, juntar e contar os livros e entregá-los na Biblioteca Municipal, por todas estas etapas se assistiu ao empenho e dedicação destes alunos e da sua Directora de Turma, Alexandrina Leitão, ao longo do mês de Novembro e de Dezembro.
O resultado foi um número superior a 1oo livros recolhidos e o reconhecimento da Directora da Biblioteca Municipal, que agradeceu pessoalmente à Professora Bibliotecária, Noémia M. Lopes.
Ficou a satisfação de se ter contribuído para o bom êxito desta campanha, para além de sensibilizar a população local sobre a importância dos livros e da leitura e da estratégia de os fazer chegar, a quem sente mais dificuldades em adquiri-los.

Com solidariedade se faz um Natal diferente!

Bem haja à “Casa dos Caracóis” (5ºG).

Noémia Maria M. Lopes (Profª Bibliotecária)

20 dezembro, 2010

Le Bleuet International – Essars (Pas-de-Calais) | Concurso Internacional de Poesia


A poesia já está em nós quando nascemos, ou “O poeta faz-se aos 10 anos”, parafraseando Maria Alberta Menéres no título de um dos seus livros para jovens?
Perante os resultados do Concurso “Le Bleuet International” e dos prémios atribuídos a cinco alunos de algumas Escolas do Concelho de Anadia, que concorreram na secção “Jovem Esperança” (“Section Jeunesse ESPOIR - de 7 ans à 18 ans, 2010”), diríamos que as duas ideias se complementam. É que a Medalha de Ouro Internacional (Médaille d’Or International) deste concurso de poesia (cuja sede se localiza em Essars na região Nord-Pas-de-Calais, França, e que o promove através da pessoa de Alain Debarge, fundador da Associação Le Bleuet International) foi para Beatriz R. Fernandes. Esta aluna da Escola Básica do 1º Ciclo de Samel obteve a Medalha de Ouro (“Médaille d’Or International - Premier Prix Jury Mention Très Bien”), realçando-se que era a mais nova das participantes, com o poema “As Nossas Mentiras” (Nos Mensonges). Porém, atendendo aos outros premiados, ousaríamos dizer que existe uma alma de poeta dentro de cada um de nós, só sendo necessário despertá-la, daí a pertinência de concursos que estimulem a “veia” destas jovens esperanças. São elas: José Miguel Rebolho, aluno do Colégio de Nossa Senhora da Assunção, Medalha de Ouro (“Médaille d'Or International - 3ème Prix du Jury Mention Bien”) com o poema “Água Reflectida” (Eau Réfléchie); Sara Rodrigues, aluna da Escola Básica nº 2 de Vilarinho do Bairro, Medalha de Ouro (“Médaille d'Or International - 4ème Prix Avec Mention Bleuet”) com o poema “Nos teus Olhos” (Dans tes Yeux); Fábio Miguéis, aluno da Escola Secundária de Anadia, Medalha de Prata (“Médaille d’Argent Internationale - Prix nº1 Bleuet), com o poema “Sonho” (Rêve), e Beatriz Santos, aluna da Escola do 1º Ciclo de Poutena, Medalha de Prata (“Médaille d’Argent Internationale - Prix nº2 Bleuet”), com o poema “Ser Criança” (Être Enfant).
A entrega dos diplomas e das medalhas de mérito foi efectuada pelo Presidente da Associação “Le Bleuet International para Portugal e Espanha”, Dr. José Machado Lopes, no dia 10 de Dezembro, durante a realização da “I Feira Municipal do Livro”, no Centro Cultural de Anadia. Cada aluno recebeu um livro, oferecido pela Direcção do Agrupamento e do Colégio. Estiveram presentes a Senhora Vereadora da Cultura, Drª Rosa Tomás, a Directora da Biblioteca Municipal de Anadia, Drª Sónia Almeida, a Superiora do Colégio de Nossa Senhora da Assunção, Drª Maria Bela Coelho, professores, alunos, pais e público em geral.
Parabéns aos jovens poetas!

Noémia Maria M. Lopes (Profª Bibliotecária – Escola Básica nº 2 de Vilarinho do Bairro)

17 dezembro, 2010

A Escola na I Feira Municipal do Livro


As 16 turmas da nossa escola deslocaram-se durante 5 dias à I Feira Municipal do Livro, que decorreu no Centro Cultural de Anadia dos dias 1 a 12 de Dezembro. O transporte dos alunos e dos professores acompanhantes foi assegurado pela Câmara Municipal, em autocarro e a calendarização das visitas da responsabilidade da Biblioteca Escolar.
Em representação variadas editoras que disponibilizaram obras diversificadas, desde as de carácter mais científico, às de literatura, livros infantis, juvenis ou de leitura para adultos.
Momentos dignos de registo foi a presença de escritores na Feira do Livro, que ao longo dos doze dias em que decorreu o certame, possibilitou aos alunos conhecer melhor os autores e as suas obras: Nuno Guedes, Ana Rita Pereira, Ana Saldanha, Richard Zimler, Carlos Campos, Maria Helena Pires e João Manuel Ribeiro (na foto) foram os escritores convidados. Os alunos tiveram o privilégio de contactar com alguns deles e de obter uma dedicatória nos livros que adquiriram.
Coube à nossa escola estar presente no dia 3 de Dezembro, das 20h30m às 22h, para uma pequena animação, que constou na distribuição de “rolinhos de papel” com poemas e biografias de autores portugueses. A Mafalda Ferreira do 6º Ano, desempenhou muito bem o seu papel e distribuiu as ofertas, usando uma t’shirt com o retrato de Florbela Espanca. Noémia M. Lopes (Profª Bibliotecária)

03 dezembro, 2010

Dia Internacional das Pessoas com Deficiência | 3 Dezembro

Acção de Sensibilização e Informação sobre Trissomia 21, inserida na comemoração do “Dia Internacional das Pessoas com Deficiência”. Local: E.B. nº 2 de Vilarinho, no dia 3 de Dezembro, pelas 17:30.
 Esta acção será dinamizada pela Associação “Olhar 21” de Coimbra. 





Uma das últimas novidades na nossa Biblioteca:


"À Procura de um Lugar" de Fátima Marinho
Sinopse: O nascimento do Vicente transformou tudo e todos à sua volta. Chovia no dia 25 de Abril de 2000. Portugal parou para lembrar o valor da liberdade e, logo após o seu nascimento, também a família de Vicente parou debruçada sobre o abismo. Fora concebido numa viagem aos Alpes suíços e a sua vinda preparada com detalhe. Mas Vicente trazia consigo uma revelação esmagadora. Tinha trissomia 21. O dia do seu nascimento foi o acto inaugural de mil desafios, mas também o início de vidas maiores que se escondiam no conforto e na previsibilidade dos dias. Às vezes a felicidade veste-se de breu só para que o sol brilhe mais quando rompe a alva.
Nota: a venda do livro reverte a favor dos portadores de trissomia 21.

29 novembro, 2010

I Feira Municipal do Livro | 1 a 12 Dez 2010



"A Câmara Municipal de Anadia, em parceria com as Bibliotecas Escolares do Município, irá promover a I Feira Municipal do Livro, de 1 a 12 de Dezembro, no Centro Cultural de Anadia, entre as 15h00 e as 22h00. Numa acção inédita, a organização pretende, em altura de constrangimentos económicos, proporcionar a todos os munícipes o acesso a um bem cultural de indiscutível importância, o livro, a preços mais reduzidos, com descontos iguais ou superiores a 20%. Durante 12 dias, várias personalidades do mundo da escrita estarão presentes e haverá lugar a várias sessões de autógrafos, bem como muita animação!" CMA

25 novembro, 2010

Premiados do Concurso "Celebrating Hallowe’en"



Categoria 2º Ciclo - “Chapéu Assombrado”:

1º Lugar
Sérgio Oliveira – 5º G

Menções Honrosas:
Ema Fadiga – 5º I
Maria Miguel Libório – 6º H

Categoria 7º Ano – “Sacos e Capas Assombradas”:

Menções Honrosas:
Carolina Alves – 7º E
Carina Santiago – 7º D
Tatiana Marques – 7º D
Patrícia Jesus – 7º D
Guilherme Soares – 7º D

Categoria 8º e 9º Anos - "Escrita Apavorante":

8º Ano:
Joana Moniz - 8º H
Inês Tavares - 8º G
Leonor Santos - 8º I

9º Ano:
Tânia Lopes - 9º J
Beatriz Barroco - 9º I
Margarida Lopes - 9º H
Mariana Santos - 9º H

EB Nº2 de Vilarinho do Bairro | 2010

19 novembro, 2010

Acção de Formação: "Da Narrativa ao Livro - Técnicas de Contar Histórias"

Quem conta um conto, acrescenta-lhe um ponto. E são muitos os pontos que Élcio Di Trento marca, e não acrescenta, às histórias que vai contando pelas Bibliotecas e Escolas deste nosso país. Marca pontos na arte de bem dizer, com a expressividade no olhar, os gestos contidos e o tom de voz adequado às personagens por si encarnadas. Élcio Di Trento é um actor especializado como contador de histórias, promotor do livro, educador pela arte e produtor cultural. Graduação em Artes Cénicas do Estado do Paraná, pós-graduação em Letras (Produção e Recepção do Texto) pela Faculdade de Santa Cruz, há doze anos que conta histórias a crianças e adultos. Perito em Teatro Infantil e Teatro de Animação, presentemente Formador da Direcção Geral do Livro e das Bibliotecas, participando em projectos de promoção da leitura, hora do conto e espectáculos em escolas, eis a apresentação deste mágico brasileiro da palavra falada, que no dia 12 de Novembro, deu uma lição a que chamou “Da Narrativa ao Livro – técnicas de contar histórias”, na Biblioteca Municipal de Cantanhede.
Os destinatários foram os Educadores, os Professores Bibliotecários, os Técnicos de Bibliotecas, os Animadores Sócio - Culturais e os Pais, provocando nestes, o prazer que ele próprio experimenta, ao mergulhar no universo fantástico das histórias que narra. Através do diálogo convida os ouvintes a entrar no mundo dos livros, prendendo-os com a musicalidade do sotaque do seu país de origem.
A nossa Biblioteca esteve representada pela sua Professora, Noémia Mª Machado Lopes.

12 novembro, 2010

Concurso Artístico "Nas Asas do Natal"


little yellow © All Rights Reserved by Flickr member brooke j


Tema: “A Árvore de Natal”
Produção Artística em formato de Postal

Concurso aberto aos alunos do 2º Ciclo.
Entrega dos trabalhos até ao dia 03 de Dezembro.

Consultar Regulamento e "História da Árvore de Natal"

Dinamizadores: Biblioteca Escolar e EVT

Nas Asas do Natal

Ter asas para voar
Sem ser ave ou avião
No Natal vamos criar
Dar largas à imaginação.

Verde pinheiro é o tema
Que todos vão produzir
Um postal que tenha o lema
Do verbo querer e sentir.

Desenhem com emoção
A árvore da nossa vida
Faz parte da tradição
Nesta época tão querida.

Enfeitam-na com muito amor
Pintem-na cor de esperança
Dêem-lhe o cheiro da flor
Na alma de uma criança.

E se ela teima em murchar
Ou que não queira nascer
Nunca deixem de a amar
Para ela poder crescer.

Noémia Maria M.Lopes (Profª Bibliotecária)

04 novembro, 2010

Halloween 2010 | Desfile

29 de Outubro | EB Nº2 de Vilarinho do Bairro

Halloween 2010 | Concursos, Exposições e "Parede Mal-Assombrada"

29 de Outubro | Biblioteca Escolar Vilarinho do Bairro

27 outubro, 2010

Hallowe'en 2010



Celebrating Hallowe’en

| Concursos, Parede Mal-Assombrada e Desfile! |

  • Concurso Hallowe’en
Hat Parade (Desfile de Chapéus) – 2º Ciclo
Handbag/ Cloak Parade (Desfile de sacos/ capas) – 7º ano
Scary Writing (Escrita Apavorante) – 8º e 9º anos

Regulamento (pdf)

  • Haunted Wall (Parede Mal-Assombrada)
(Alunos do 5º e 6º Ano)

Vamos comemorar o Hallowe’en?

Na Biblioteca Escolar vai estar uma “parede”, para tu decorares com imagens e frases alusivas ao Hallowe’en. Podes desenhar as imagens, copiá-las da Internet ou recortá-las de revistas que já tenham sido lidas. A seguir, vais colar o teu trabalho na parede que se encontra à entrada da Biblioteca. Mãos à obra!!!!!

  • Desfile de Hallowe’en | 29 de Outubro

Programa:

Hora/Turmas

12:50h: | 5ºG | 6ºH | 6ºI | 6ºJ | 7ºC | 7ºE | 9ºI | 9ºH

13:40h: | 5ºH | 5ºI | 7ºD | 8ºG | 8ºH | 8ºI | 8ºJ | 9ºJ

--
Dinamização: Biblioteca Escolar e Disciplina de Língua Inglesa.

25 outubro, 2010

"Ano Europeu do Combate à Pobreza e à Exclusão Social" | Campanha



Um livro faz-nos mais ricos.

Escolha um livro que tenha apreciado muito e ofereça-o!
Os livros angariados no âmbito desta campanha destinam-se a famílias abrangidas pela Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Anadia e a Instituições de Solidariedade Social.

Objectivos da Campanha

Sensibilizar a sociedade para a importância do LIVRO como bem cultural fundamental para o desenvolvimento da literacia e consequente crescimento económico – a importância da leitura, pois esta torna-nos menos pobres, contribuindo para minorar a exclusão e promover a auto estima e a capacidade de integração social.

Os livros poderão ser entregues na Biblioteca Municipal de Anadia ou no Centro Cultural de Anadia (Gabinete da Rede Social de Anadia até ao dia 18 de Dezembro de 2010.

A Biblioteca da nossa escola associa-se a esta campanha e lança um apelo à vossa boa vontade.
Ofereça um livro, mesmo que já lido, mas que esteja em bom estado de conservação.

Agradecemos.

Local de entrega - Biblioteca Escolar até ao dia 18 de Dezembro.

21 outubro, 2010

Dia Internacional da Erradicação da Pobreza



No dia 15 de Outubro a Biblioteca Escolar teve o prazer de colaborar nas actividades da Área de Projecto da turma 5ºG, que tem como tema do seu projecto "A Casa dos Caracóis - Um Projecto de Cidadania". Ao longo do ano lectivo, os alunos da turma irão realizar diversas acções no âmbito da solidariedade e cidadania. A primeira foi levada a cabo no mesmo dia em que se realizou a IV edição da Mostra de Sopas, e consistiu na comemoração do Dia Internacional da Erradicação da Pobreza. As actividades culminaram com a celebração do Projecto "Levanta-te Portugal - O Mundo Que Queremos", da responsabilidade da organização Pobreza Zero.

Actividades desenvolvidas:
- Slogans para marcadores;
- Trabalhos para exposição;
- Produção de Faixa e Painel expositivo;
- Distribuição de marcadores de livros no recinto escolar;
- Exibição de uma mostra de vídeos alusivos ao tema (na Biblioteca e no átrio da escola);
- Celebração "Levanta-te Portugal - O Mundo Que Queremos", a que se associou a turma 5ºI e a sua Directora de Turma, Professora Marily Pereira. (Os participantes vestiram t-shirts brancas e ostentaram nos pulsos uma pulseira da mesma cor / Leitura dos "Objectivos do Milénio");
- Registo do evento no site Pobreza Zero.

18 outubro, 2010

Bibliosopa – 4ª Mostra de Sopas

Dia Mundial da Alimentação
 - 16 de Outubro




Sabores Perdidos

A necessidade aguça o engenho e em épocas difíceis, as nossa avós no governo de famílias numerosas, aprenderam com suas mães a aproveitar da Natureza as boas ervas, para a confecção do alimento do quotidiano, a sopa.
A Biblioteca Escolar continua a colaborar com o Projecto “Educação para a Saúde” e deu a provar uma sopa da dieta de outros tempos, sopa de urtigas. Gostosa e rica em vitaminas, a sopa agradou e contribuiu para o registo de outros sabores, os sabores perdidos.
Para que a memória não os esqueça.

Actividades da Biblioteca:
- Recolha de sopas com ervas do campo/suas propriedades terapêuticas e produção de um desdobrável com algumas receitas;
- Confecção/prova da “Bibliosopa”;
- Distribuição dos desdobráveis;
- Levantamento bibliográfico em quatro línguas (português, espanhol, francês e inglês);
- Exposição dos livros.

Plantas do Campo (pdf)
Sopa de Urtigas - foto (pdf)

Noémia M. Lopes (Profª Bibliotecária)

04 outubro, 2010

Centenário da República - Exposição na Biblioteca



Biblioteca Escolar Vilarinho do Bairro
5 de Outubro | 1910-2010
Exposição e Passatempos

22 setembro, 2010

Ainda há casas nas árvores?


Teahouse Tetsu de Terunobu Fujimori & Nobumichi Oshima, 2006.
Foto:
Akihisa Masuda

14 setembro, 2010

Segurança na Internet



Ver mais vídeos: (SeguraNet)

16 julho, 2010

Concurso de poesia internacional “Le Bleuet International”


Le Bleuet Internacional
Associação composta essencialmente por poetas, contadores de histórias, pintores e cantores, cujas receitas são destinados a obras humanitárias e as actividades e exposições permitem recolher fundos a favor do futuro «Louvre-Leans», Património da Unesco.
Fundada por Alain Debarge, seu presidente, autodidacta e poeta amador, que submeteu em 1996 as suas obras à Biblioteca Internacional, membro activo da associação «Plume Amitié» e do «Centro Cultural Europeu», decidiu criar, há 10 anos, «Le Bleuet International», onde se reúnem uma centena de artistas amadores, franceses ou francófonos.
Localizada em Essars na região Nord-Pas-de-Calais, França, esta associação dinamiza o concurso de poesia internacional “Le Bleuet International” ao qual concorreram os nossos alunos, na “Section Jeunesse ESPOIR" (de 7 ans à 18 ans) 2010.

Choveram prémios no nosso agrupamento:

(Section Jeunesse ESPOIR (de 7ans à 18 ans) 2010)

Médaille d’Or Internationale
• «Premier Prix Jury Mention Très Bien», atribuído a Beatriz R. Fernandes da Escola Básica do 1º Ciclo de Samel, Nos Mensonges.
• 4ème «Prix Avec Mention Bleuet», atribuído a Sara Rodrigues da Escola Básica nº 2 de Vilarinho do Bairro, Dans tes Yeux.

Médaille d’Argent Internationale
• «Prix nº1 Bleuet», atribuído a Fábio Miguéis da Escola Básica nº 2 de Vilarinho do Bairro, Sonhar.
• « Prix nº 2 Bleuet », atribuído a Beatriz Santos da Escola do 1º Ciclo de Poutena, Ser Criança.

Foi também premiado José Miguel Rebolho do Colégio de Nossa Senhora da Assunção – Anadia (Médaille d'or international 3ème Prix du jury mention Bien, "Eau Réfléchie").

Concorreram e ganharam. As medalhas e os diplomas chegarão em Setembro e os seus poemas publicados numa Antologia Poética relacionada com o Concurso Bleuet Internacional - 2010. Parabéns aos jovens poetas!

14 julho, 2010

07 julho, 2010

Comemorações do II Aniversário da Biblioteca Municipal de Anadia

Sábado. 03 de Julho de 2010


A festa começou com a distinção dos leitores mais assíduos daquela, que desde o seu primeiro dia de vida, se assumiu “como um pólo de cultura e de promoção do livro e da leitura”. Estas palavras copiei-as do marcador de livros, que me foi oferecido da parte da manhã, quando assisti à cerimónia de entrega de diplomas aos melhores leitores, da “pequenina” (já nasceu grande) que festejava o seu 2º aniversário.
A Biblioteca certificou e conferiu o seu reconhecimento aos melhores e também chamou a nossa “gente”: educadoras de Samel, de Vilarinho, Pista (Jardim de Infância e 1º Ciclo), por muito requisitarem o BiblioEscola, carregadinho de coisas boas…para ler!
No Cineteatro de Anadia, eram 21h30m, a festa continuou com as escolas parceiras da Rede Concelhia de Bibliotecas, a mostrar aquilo que valiam (ou valeram) ao longo do ano:
Entrega de prémios do concurso de fotografia À procura do eu, à procura de mim, e lá estavam, a nossa Sara Silva, 1º Lugar na categoria 2º e 3º Ciclos e a Beatriz Silva da EB1 de Sangalhos, na categoria de 1º Ciclo.
Também no concurso “Letras da Primavera” tivemos uma candidata a prémio, Melissa Silva e mais três poetas que participaram no concurso “Ler & Aprender” – texto lírico: Fábio Miguéis, Sara Silva e Ruben Ferreira. Subiram os três ao palco….e os aplausos.
Momento alto da noite, os textos dramáticos do concurso “Ler & Aprender” representados pelas “Companhias” de teatro das escolas: Escola Básica nº 2 de Vilarinho do Bairro, Colégio Salesiano de S. João Bosco, Colégio Nossa Senhora da Assunção e Escola Secundária de Anadia. Foi esta a ordem de apresentação. Os mais novos… os nossos alunos. O 6ºA a fazer muito boa figura, nos papéis adaptados da obra literária “Ulisses”, de Maria Alberta Meneres. Era este o elenco: Hugo Pinto, Hugo Tavares, Ivo Gabriel Silva, Vasco Mota, João Carlos Ferreira, Jordan Silva, Dayane Pena, Diogo Carvalho, Cátia Vicente, Cristiana Taipina, Telmo Abrantes e Renato Silva.
As professoras, que encenaram e construíram os cenários, também presentes no espectáculo, a dar o seu apoio: Margarida Moura, Alexandrina Leitão, Alice Almeida, Marily Pereira e Ana Viseu.
Convidada especial, a Directora do nosso Agrupamento, Dulce Abreu e outros professores que também assistiram ao sarau.
Seguiram-se as outras escolas, houve dança contemporânea, música, dramatismo, multimédia, discursos….afectividade, paixão, qualidade e um profundo suspiro de….missão cumprida.
Assim se encerrou um ano repleto de actividades, em parceria com todas nós, as escolas do Concelho de Anadia. Noémia Mª Machado Lopes (Profª Bibliotecária)

26 junho, 2010

Práticas Partilhadas - Um Encontro Interconcelhio de Professores Bibliotecários

Com a devida autorização da Coordenadora Interconcelhia, Isabel Nina, transcrevemos o texto relativo ao Encontro Interconcelhio realizado no passado dia 15. As Professoras Bibliotecárias do Agrupamento de Escolas de Vilarinho do Bairro, Noémia Maria Machado Lopes e Maria Ivone Saraiva, estiveram presentes, tendo salientado como aspectos muito positivos os exemplos de boas práticas partilhados.



"No âmbito do Programa da Rede de Bibliotecas Escolares, decorreu, no passado dia 15 de Junho, na Escola Secundária de Cantanhede, o Encontro Interconcelhio Práticas Partilhadas, que congregou os Professores Bibliotecários dos concelhos de Anadia, Águeda, Albergaria-a-Velha, Cantanhede, Estarreja, Oliveira do Bairro e Montemor-o-Velho. Na génese do evento, promovido pela CIBE dos referidos concelhos, em colaboração com a Direcção Regional de Educação do Centro e a Escola Secundária de Cantanhede, encontra-se a partilha de práticas com impacto na formação dos alunos e no processo de ensino/aprendizagem, considerando a imprescindibilidade do trabalho colaborativo e o desenvolvimento das competências de literacia.

Construir a casa a partir dos alicerces - Escola Secundária de Cantanhede
Biblioteca Escolar e Sala de Aula: pontos de encontro - Agrupamento de Escolas de Montemor-o-Velho
Plano integrado para a literacia da informação - Escola Secundária Marques de Castilho
Para além das quatro paredes - Agrupamento de Escolas da Carapinheira
Aprender com a biblioteca - Agrupamento de Escolas de Cantanhede
A BE numa Escola TEIP - Escola Básica Integrada de Pardilhó

Foram estas as práticas apresentadas neste encontro que, para além de contribuir para a melhoria da acção das bibliotecas escolares, possibilitou ainda o estreitamento de laços interpessoais. Esta experiência irá potenciar a partilha de recursos pedagógicos, visando estratégias inovadoras que produzam resultados ao nível das aprendizagens e das práticas docentes". Isabel Nina, Coordenadora Interconcelhia (rbe.blogspot.com)

16 junho, 2010

10 de Junho - Dia de Portugal

Almoço dos Descobrimentos, ou como um país se aventurou por mares nunca dantes navegados e desbravou o desconhecido.
10 de Junho
, dia de Portugal, ou nove séculos de História vivida, e muita ainda por acontecer.
Comunidades portuguesas, pelo mundo a diáspora de um povo feito de vontade e de trabalho.
Dia de Camões
, poeta maior da nossa Língua falada e escrita, pelos caminhos pisados por todos nós.

(…) da ocidental praia lusitana (…)
Luís de Camões

Aconteceu em 9 de Junho, a organização foi da responsabilidade do Departamento de Estudos Sociais e Humanos em parceria com a Biblioteca Escolar.



“Gentis damas, nobres de cavalo e espada e demais fidalguia aqui presentes, muito me apraz terem lido os editais que mandei afixar por todo o meu Senhorio, e terem respondido tão prontamente ao apelo da minha vontade de vos ter aqui. (palavras proferidas por El-Rei na abertura do repasto)

Aqui, neste almoço, aberto a toda a Comunidade Educativa da Escola Básica nº 2 de Vilarinho do Bairro. Cerca de 60, os comensais. A ementa seguiu os preceitos da época e os figurantes, rei e rainha, sintetizaram nas suas figuras os monarcas dos séculos XV e XVI, tempo da expansão portuguesa. Três mesas postas, a representar cada uma a Ásia, África e América, decoradas com objectos desses três continentes, numa simbologia histórica dos lugares por nós descobertos. No átrio, as especiarias e a porcelana, o mapa-mundi produzido para o efeito e a bibliografia adequada ao acontecimento.

Cumpriu-se.

Noémia Mª M. Lopes (Profª Bibliotecária)


09 junho, 2010

Palestra “Património Local” na Biblioteca Escolar de Sangalhos

Não haveria certamente melhor chave de ouro para encerramento das palestras que se foram realizando ao longo do presente ano lectivo como a que teve lugar no dia 08 de Junho nas Escolas Básicas de 1º Ciclo da Pista e de Sangalhos, a saber: Palestra sobre o Património Local pelo Prof. Doutor António Nuno Rosmaninho Rolo.


Alunos e Professores foram convidados a descobrir o real significado de “Património” e os diversos tipos de Património, material e imaterial. Descobriram também belos exemplares do Património Local do Concelho de Anadia com histórias muito interessantes e únicas. Os presentes ouviram ainda falar das suas terras, de costumes deveras ancestrais e de antepassados que marcaram a história deste concelho. Viram fotografias, postais, jornais e outros periódicos, documentos raros de bastante valor. Foi uma sessão dialogante, porque o tema a todos envolveu, em todos despertou curiosidade e quase todos tinham particularidades pessoais para contar. O desejo de conhecer o concelho, a vontade de compreender/interpretar o seu património e, acima de tudo, o impulso de prestar mais atenção, de amar, de valorizar e de lutar pela preservação do nosso Património a todos arrebatou. Sob a égide do “Património Local”, os alunos da Pista surpreenderam o eminente Professor da Universidade de Aveiro com dois marcadores contendo apontamentos do Património do Concelho de Anadia, especialmente concebidos para esta ocasião e os discentes de Sangalhos, com uma colectânea de recolhas levadas a cabo na freguesia de Sangalhos para homenagear tão ilustre palestrante. A Professora Bibliotecária, Maria Ivone Moreira Saraiva

04 junho, 2010

As palavras farão magia?

Lembram-se da escritora Ana Rita Pereira? Lembram-se da sua visita à Biblioteca Escolar de Sangalhos na companhia da Professora Bibliotecária Manuela Monteiro no transacto dia 19 de Maio de 2010? Lembram-se do encantamento desse encontro para um grupo de 84 (oitenta e quatro) discentes na EB1 de Sangalhos os quais se envolveram com admiração e deslumbramento à pessoa da Ana Rita e às suas palavras? Lembram-se dos dois títulos “O Sótão da D. Joana” e “Mundo de Magia”, ambos ilustrados, vindo já a caminho um terceiro?
Pois bem, a Ana Rita surpreendeu–nos com um magnífico marcador, um por cada aluno, que para além do valor literário e estético, tem a particularidade de, no verso, exibir uma mensagem individualizada com o respectivo nome do aluno!!!
Tomara que as nossas palavras de agradecimento assumam a magia de um enorme beijo de retribuição por tão doce lembrança. A Professora Bibliotecária, Maria Ivone Saraiva

31 maio, 2010

Alunas do nosso Agrupamento vencedoras de Concurso de Fotografia

Como fizemos referência em postagem anterior, o nosso Agrupamento participou no concurso de Fotografia promovido pela Biblioteca Escolar da ES/3 de Anadia, em articulação com a Biblioteca Municipal de Anadia.
No 2º e 3º ciclo, o 1º Lugar foi para a nossa aluna Sara, do 8º ano, que concorreu ao subtema "O auto-retrato".
No 1º ciclo, tivemos também um 2º Lugar na categoria "A minha Escola", atribuído à Beatriz Silva, da EB1 de Sangalhos.

Parabéns a todos os participantes e principalmente às nossas Vencedoras!


Fotografias_Sara:



Fotografias_Beatriz:



24 maio, 2010

Valor Literário do Concelho de Anadia na Biblioteca Escolar de Sangalhos


No transacto dia 19 de Maio, 5ª-feira, os alunos da Escola Básica de 1º Ciclo de Sangalhos dos quatro anos de escolaridade receberam, com muito orgulho e satisfação, a jovem escritora Ana Rita Pereira. Não é apenas um valor literário do Concelho de Anadia, é também uma das mais jovens escritoras do nosso país… Figura pública, facilmente reconhecida, entrevistada quer pelos jornais regionais, quer pelos nacionais, alvo de reportagem televisiva, esta encantadora jovem escritora tem apenas 15 (quinze) anos e está à beira da publicação do seu 3º livro, todos eles ilustrados. Ana Rita Pereira acedeu, prontamente, ao convite formulado pela Professora Bibliotecária Maria Ivone Saraiva através da sua colega Bibliotecária Manuela Monteiro da Escola Secundária de Anadia, igualmente presente na sessão de divulgação da sua obra literária. Um gesto delicado que se prolongou no contacto afectuoso e estimulante com os nossos alunos. A acção foi de tal modo envolvente e cativante que, no final da mesma, todos queriam ler mais, todos queriam escrever mais…
No decorrer do presente ano lectivo, a Biblioteca Escolar de Sangalhos tem sido o palco para a dinamização de múltiplas actividades relacionadas com a promoção da Leitura e do Livro, tendo como meta primordial a melhoria das aprendizagens dos alunos. Nessa conformidade, foi sem qualquer tipo de surpresa que testemunhámos a atenção e o empenho daqueles discentes, na devida proporção à idade de cada ano de escolaridade. Estas boas práticas levadas a cabo sistemática e regularmente têm dado muito bons frutos, óptimos resultados… Por isso, entre perguntas e respostas, surgiram afirmações deslumbrantes, como estas:
__ Para escrever um livro, é necessário possuir criatividade, originalidade, empenho, imaginação, empenho, diversão…
__ Algumas pessoas pensam que os livros são só letras, mas não… São um mundo de magia…
(Constatações da autoria de alunos do 3º Ano)
Compartilhamos consigo esta dinâmica articulada entre as quatro Professores Titulares de Turma e a Professora Bibliotecária da Biblioteca Escolar de Sangalhos que teve como epílogo a óptima disposição sentida por todos os participantes e a entrega de ramos de flores campestres às nossas ilustres convidadas…
A Ana Rita irá permanecer nos pequeninos corações dos nossos jovens, mas também ela partiu acompanhada de um suave, terno e rendado coração assinado por 84 (oitenta e quatro) meninos/meninas… Obrigada, Ana Rita! (A Professora Bibliotecária, Maria Ivone Moreira Saraiva)


Texto dos alunos do 4º Ano
da EB1 de Sangalhos (pdf)


11 maio, 2010

9 de Maio | Dia da Europa

A Biblioteca colaborou na evocação do Dia da Europa e em articulação com o Departamento de Línguas e com o Departamento de Ciências Sociais e Humanas, sugeriu obras de escritores clássicos europeus, expondo as suas biografias e fazendo uma amostra das obras que fazem parte do seu fundo documental. Collodi, Júlio Verne, Charles Dickens, Andersen, Irmãos Grimm, Eça de Queirós, Homero, Selma Lagerlöf, Hergé e Daniel Defoe foram os autores seleccionados. Itália, França, Inglaterra, Dinamarca, Alemanha, Portugal, Grécia, Suécia, Bélgica, os seus países de origem. As obras… por demais conhecidas, estão lá, na Biblioteca, para serem lidas e amadas, pois um “clássico” é um “Deus” que nos transporta até ao Paraíso e assim sendo, transformou-se num imortal.

Ainda…

Colaboração no mural de postais ilustrados, representativos de lugares/cidades/monumentos/povos diversos da Europa legendados em Inglês (7º B).

Dinamização do Quiz interactivo sobre a realidade/ curiosidades da União Europeia (Professoras de Inglês do 2º ciclo).

Projecção de uma colectânea de powerpoints alusivos a uma grande diversidade de lugares dos países membros (Prof Cristina Seiça).

O Mito de Europa

Europa, a “Bela”, princesa cobiçada pelos deuses do Olimpo, que a tentaram raptar, sem o conseguirem.

Europa, por quem Zeus se apaixonou, ao vê-la brincar nas areias da praia de Sidon.

Europa, iludida, ao acariciar a cabeça do touro branco em que Zeus se transformou.

Europa, raptada, sobre o dorso do touro-deus, a sulcar o mar em direcção a Creta.

Europa, mãe de três filhos de Zeus, unida ao Deus supremo, na fonte de Gortina.
E desde esse dia os plátanos nunca mais perderam as suas folhas de Inverno…

Europa, recompensada por Zeus, de quem recebe Talo, o autómato feito de bronze, o cão que não ladrava e o dardo que nunca errava o alvo.

Europa, nos signos do Zodíaco, a quem Zeus lhe concedeu honras divinas, convertida na constelação de Tauros

Europa, filha de um pai desesperado, que a procurou por toda a Grécia, por todos os lugares que hoje são a França, a Alemanha, a Itália…

E de tanto ser chamada por seu pai, que as gentes ao escutar o seu nome, decidiram chamar à terra onde era procurada, Europa.
Mitologia Greco – Romana

Noémia Maria Machado Lopes (Profª Bibliotecária)

30 abril, 2010

Sussurando livros...

A MALA RÁPIDA DO SENHOR PARADO
Rui Almeida Paiva
(Editora: Trinta por uma Linha)

Prémio Revelação da Associação Portuguesa de Escritores e Menção Honrosa do Prémio Branquinho da Fonseca – Gulbenkian/Jornal Expresso, em 2005

“Havia um homem neste mundo que nunca tinha feito as malas para viajar. Chamava-se senhor Parado e vivia numa estação de comboios. Este senhor tinha algumas particularidades: era magro e pequeno se o observássemos pela janela de um avião. E era gordo e alto se o víssemos através do chão. O senhor Parado tinha como profissão viajar pouco com os pés e viajar muito com a cabeça na Lua. De cada vez que o senhor Parado via uma mala de viagem a passar de comboio para comboio, pensava no que poderia descobrir se a abrisse e imaginava que lá dentro só se encontravam objectos resistentes, objectos capazes de percorrer muitos quilómetros.”

"A Mala Rápida do Senhor Parado, de escrita calma e poética e com um grafismo feliz, foi Prémio Revelação da Associação Portuguesa de Escritores e teve menção honrosa do Prémio Branquinho da Fonseca – Expresso/Gulbenkian. Aplauso para a capa do livro e para o desfecho da narrativa. Boa viagem". Rita Pimenta - Jornal Público. (23 Janeiro 2010)

«A Mala Rápida do Senhor Parado é um exercício de combinação entre a poesia e a fantasia, concebido por Rui Almeida Paiva e abrilhantado por ilustrações de Sónia Borges. Embora distinguido com uma Menção Honrosa no Prémio Branquinho da Fonseca 2005, além de ter sido vencedor do Prémio Revelação APE/IPLB 2005 na área da escrita Infanto-Juvenil, só agora chega ao formato impresso. E vale a pena descobri-lo!» Revista “Os meus livros” Janeiro 2010 (n.84)

"A Mala Rápida do Senhor Parado" (edição Trinta Por Uma Linha) valeu a Rui Almeida Paiva o Prémio Revelação da Associação Portuguesa de Escritores e uma menção honrosa do Prémio Branquinho da Fonseca Gulbenkian / Jornal Expresso. A siua história é a de um homem que nunca tinha feito as malas para viajar. Chamava-se senhor Parado e viva numa estação de comboios. Esta curiosa personagem tinha algumas particularidades: era magro e pequeno se o observássemos pela janela de um avião. E era gordo e alto se o víssemos através do chão". JL - Jornal de Letras, Artes e Ideias, Maria João Martins (Edição de 10 a 23 de Março 2010)

"A Mala Rápida do Senhor Parado é um texto eminentemente simbólico e metafórico, profusamente descritivo e rico em cor e texturas, que se encontra bem acompanhado pela simplicidade e delicadeza dos desenhos a preto de Sónia Borges." Gabriela Sotto Mayor (Casa da Leitura)


RUI ALMEIDA PAIVA
Nascido pela primeira vez em 1977, crê-se que o autor preserva carinhosamente a sua rotina. As primeiras vinte e três horas do dia, passa-as a fugir. A esconder-me, esta seria a expressão mais acertada, dir-nos-ia. E a hora que te resta, perguntou-lhe uma vez uma criança atenta, como a utilizas? Essa hora é dedicada exclusivamente ao espanto. Por exemplo, hoje espantei-me dentro de uma paisagem, após ter aberto a janela de uma varanda. Nessa altura, nessa hora nasço sempre uma vez mais. O mais incrível (e é algo que tenho esperança de vir a decifrar) é que quando o meu nascimento diário termina, acabo sempre por ser atraído até à minha mão esquerda, onde se move uma inquieta caneta de produzir histórias. A MALA RÁPIDA DO SENHOR PARADO foi o fruto de um dos seus Espantos, que lhe valeu o Prémio Revelação da Associação Portuguesa de Escritores e a Menção Honrosa do Prémio Branquinho da Fonseca – Gulbenkian/Jornal Expresso, em 2005. editoratrintaporumalinha

25 abril, 2010

Dia da Liberdade | 25 de Abril de 1974



Música: "Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades"
(1971) - José Mario Branco

23 abril, 2010

Dia Mundial do Livro


Imagem: via "O Café dos Loucos"

20 abril, 2010

Concurso Nacional de Leitura | Final do Distrito de Aveiro - 16 Abril

O átrio da Biblioteca Municipal de Anadia foi pequeno, para acolher tantos alunos que se deslocaram dos vários Concelhos do Distrito, a fim de participarem na fase distrital do Concurso Nacional de Leitura. As nossas alunas também estiveram presentes: a Joana Moniz, a Mariana Santos e a Mª Gabriela Tavares, preparadas antecipadamente para a prova escrita, tendo lido o “Olho do Lobo” de Daniel Pennac e “O Tesouro” de Selma Lagerlöf. LER MAIS...



Imagens: (1ª) Alunas e professoras de Vilarinho; (2ª) Alunas de Vilarinho com a escritora Ana Saldanha e o escritor Bruno Santos.

15 abril, 2010

Concurso Nacional de Leitura | Fase Distrital

Fase Distrital – 2ª Fase | 2009/10


As provas (3º CEB e Ensino Secundário) realizar-se-ão no dia 16 de Abril de 2010 na Biblioteca Municipal de Anadia e terão uma componente escrita e outra oral. O júri será composto por três elementos: Sónia Almeida (Bibliotecária Municipal), Ana Saldanha (escritora) e Bruno Santos (escritor). O concurso será gravado pela RTP e transmitido, posteriormente, no programa “Portugal no Coração”.

Alunas participantes da nossa Escola:

Joana Moniz – 7º B
Mariana Santos – 8ºA
Maria Gabriela Tavares – 9º B

Obras seleccionadas:

• “O Tesouro” de Selma Lagerlöf – 3º CEB
• “O Olho do Lobo” de Daniel Pennac – 3º CEB
• O Nome da Rosa” de Umberto Eco - Secundário

PROGRAMA:

09H00-09H30 – Acreditação 3º CEB e Professores.
09H30 - Cerimónia de abertura do Concurso.
09H30 - 10H00 - Acreditação Ensino Secundário.
Considerando o elevado número de participantes na categoria de 3º CEB, a prova escrita será realizada em em dois momentos: os primeiros 55 alunos acreditados realizarão a prova às 10h00. Os restantes, realizá-la-ão às 10h30. Cada prova terá a duração de 20m.
11H00 - Prova escrita Ensino Secundário (duração de 30m).
12H00 - Assinatura do Protocolo com o PNL.
12H00- 13H45 - Almoço no Museu do Vinho Bairrada.
14H00 - Cineteatro de Anadia
14H00 – Divulgação das 6 melhores prestações, na prova escrita, para cada categoria.
14H15- Início prova oral 3º CEB.
14h45 - Sorteio de Livros autografados pelos autores Ana Saldanha e Bruno Santos.
14h55 - Divulgação dos 3 finalistas do 3º CEB.
15h00 - Início prova oral do Ensino Secundário.
15h45 - Momento musical.
15h55 - Divulgação dos 3 finalistas do Ensino Secundário.
16h00 - Momento de Leitura dos 3 finalistas 3º CEB.
16h15 - Momento de leitura dos 3 finalistas Ensino Secundário.
16h30 - Sorteio de Livros autografados pelos autores Ana Saldanha e Bruno Santos.
16h45 - Divulgação da seriação dos 3 finalistas de cada Ciclo e entrega de prémios.
17h00 - Sessão de encerramento.

Regulamento:
A prova escrita será composta por questões de escolha múltipla, verdadeiro ou falso e sopa de letras. Em caso de empate, o júri terá em consideração o tempo de realização das provas. Aquando da entrega, a cada prova será atribuído um número seriado para, em caso de igualdade, o tempo ser critério de desempate. Da prova escrita, apurar-se-ão 6 alunos que participarão no final da tarde. Estes 6 alunos serão submetidos a uma questão oral sobre uma das obras. No final, o júri decidirá quais as 3 melhores prestações. De seguida, a estes três alunos finalistas, o júri indicará um excerto de uma das obras. Os alunos prepará-las-ão enquanto decorrem as provas do Ensino Secundário. Um por um, farão a leitura pública do excerto e o júri pontuará cada uma das prestações. Assim se decidirá os 1º e 2º lugares e o suplente.

Concurso Nacional de Leitura - promovido pelo Plano Nacional de Leitura – em articulação com a RTP, com a Direcção-Geral do Livro e das Bibliotecas (DGLB) e com a rede das Bibliotecas Escolares (RBE)

13 abril, 2010

Bibliotecas do Mundo



01 abril, 2010

Concurso Literário “Ler & Aprender”

Biblioteca Municipal de Anadia


Joana Pereira Moniz, aluna do 7ºB, foi a finalista representante da nossa escola, na categoria de 3º CEB – produção de um texto pertencente ao género narrativo (sub-género conto). Joana Pereira Moniz gosta de escrever e de inventar histórias. Concorreu com dois contos, mas foi o “Segredo da Amêndoa” que teve a melhor apreciação por parte do júri.
Da Biblioteca Municipal de Anadia partiu a iniciativa de lançar este Concurso, enquadrado no Projecto de Promoção do Livro e da Leitura, traçado para as Escolas do Município e em articulação com a Rede de Bibliotecas de Anadia, à qual nós pertencemos. Dando cumprimento ao seu Plano de Actividades para 2009/2010, os alunos do 2º, 3º Ciclos e Ensino Secundário puderam e poderão participar neste concurso, dividido em três fases e por três géneros literários: género narrativo (conto), que decorreu durante o 1º Período; género lírico, a decorrer no 2º Período e género dramático no 3º Período.
A Joana participou, e foi seleccionada como uma das melhores entre tantos. Porém, não devemos esquecer as outras alunas da nossa escola, que também concorreram: Sabrina Costa, Ana Elisa Santos e Cátia Amorim. As quatro apresentaram textos com muita originalidade, obedecendo aos critérios de avaliação impostos no regulamento: criatividade e correcção na linguagem utilizada. Estão todas de parabéns!
A distinção dos vencedores realizou-se no sábado, dia 20 de Março e constou de uma cerimónia que decorreu no auditório da Biblioteca Municipal de Anadia. Presentes, imensos jovens e seus professores, além da Bibliotecária, Drª Sónia Almeida e do Presidente da Câmara Litério Marques, que falaram para uma sala apinhada e muito interessada em saber os resultados do concurso. “Possivelmente nunca se leu tanto como hoje em dia. As constantes pesquisas na Internet e as novas tecnologias, de uma forma geral, a isso levam. O problema é que os textos literários são cada vez menos procurados”, alertou aquela. Já o Presidente do Município, que encerrou a cerimónia, admitiu que a autarquia “acabou por ser feliz” na promoção desta iniciativa, referindo “a capacidade de mobilização de todos os envolvidos. As escolas têm sabido responder aos nossos desafios. E nós aos das escolas”.
A Joana foi chamada de entre o público onde se encontrava, a receber um diploma de honra, por ser uma das alunas finalistas. Todas nós, Professora de Língua Portuguesa, Professora Bibliotecária e a Coordenadora do Departamento de Línguas, que esteve presente na entrega de prémios, se sentem muito orgulhosas pelo mérito e distinção que lhe foram atribuídos. Fonte, “Região Bairradina” de 24 de Março de 2010. Noémia M. Lopes (Profª Bibliotecária)

31 março, 2010

Hora Encantada



Hora Encantada na Escola Básica nº2 de Vilarinho do Bairro

No dia 22 de Março, os alunos do 2º Ciclo foram agraciados com uma actividade de magia e de encantamento dinamizada pela Bibliotecária Teresa, técnica da Biblioteca Municipal de Anadia, a parceira privilegiada das Bibliotecas Escolares do Concelho. No seguimento das anteriores visitas ao Jardim-de-infância de Sangalhos e às Escolas Básicas da Pista e de Sangalhos, a Dr.ª Teresa levou a cabo nesse transacto dia, a última segunda-feira do 2º Período, uma acção denominada “Hora do Conto”, cujo público-alvo foram todas as turmas do 2º Ciclo no total de 6 (seis) turmas. Foi lido um curto trecho de um livro não conhecido dos nossos alunos, tendo-lhes sido solicitado a solução de um enigma com base numa velha mala de viagem repleta de objectos bizarros, tais como, mapas, galhardetes, um chapéu preto, pacotes de chá, um cofre contendo uma estranha chave… O convite à resolução da questão a quem pertencerá a tal velha mala de couro castanho escuro, agora em exibição numa mesa da Biblioteca Escolar de Vilarinho do Bairro, está aberto a todos os visitantes desse espaço até final da primeira semana do 3º Período. Posto isto, a Dr.ª Teresa voltará à nossa Escola a fim de recolher as sugestões deixadas pelos alunos e, concomitantemente, pôr fim ao mistério relativo à identidade do desconhecido viajante…
Por enquanto, o mistério continua…
A Professora Bibliotecária, Maria Ivone Moreira Saraiva

30 março, 2010

Mapa de Livros e Lugares

Mapa com os locais onde as histórias dos livros acontecem,
de Isabel Colucci - Blogue "O Guaxinice"



Visitar aqui

Em Portugal estão representados os seguintes livros:
Os Maias - Eça de Queirós
Lisboa - o que o turista deve ver - Fernando Pessoa
História do cerco de Lisboa - Saramago
Afirma Pereira - Antonio Tabucchi

Uma dica do blogue "Livros e Afins"

29 março, 2010

“Aventura no País da Matemática”

No dia 22 de Março os alunos dos 7º e 8º anos da nossa Escola deslocaram-se à Biblioteca Municipal de Anadia a fim de visionarem/experimentar uma exposição no âmbito da disciplina de Matemática intitulada “Aventura no País da Matemática”. O Departamento de Matemática, responsável por esta actividade, visou cumprir os seguintes objectivos: - Incutir o gosto pela matemática; - Estimular a actividade/capacidade do aluno na resolução de problemas; - Desenvolver a capacidade de raciocínio; - Desenvolver a capacidade de enfrentar com confiança situações novas; - Participar em actividades de enriquecimento do currículo que envolvam noções matemáticas. Os alunos aderiram com bastante entusiasmo à actividade e descobriram a parte lúdica da disciplina. Experimentaram e experimentaram, fizeram e refizeram... sem nunca desistir! O tempo passou a correr e a muito custo, os alunos regressaram à escola onde retomaram as actividades lectivas. Foi uma hora e meia a pensar só em Matemática!! Lúcia Santos (Profª de Matemática)



Integrado no Plano de Acção Interbibliotecas do Município de Anadia, a exposição “Aventura no País da Matemática”, propriedade da Associação Portuguesa de Matemática, foi cedida à Escola Secundária de Anadia, que prontamente a colocou à disposição das escolas, públicas e privadas do Concelho. A Biblioteca Municipal cedeu o espaço e a Câmara Municipal forneceu o transporte. Durante uma semana, a exposição esteve patente, para benefício dos alunos das várias escolas. A nossa Biblioteca serviu de intermediária, contactou o Departamento de Matemática e Ciências Experimentais e colaborou na calendarização da actividade. Noémia M. Lopes (Profª Bibliotecária)

26 março, 2010

“Ovos de Poesia… mexidos com Leituras de Pais/E.E.”

EB1 de Pista e de Sangalhos

Como actividades de encerramento na Biblioteca Escolar de Sangalhos, a Professora Bibliotecária levou a cabo a supracitada dinâmica, tendo envolvido todos os Senhores Professores Titulares de Turma, todos os alunos dos 6 (seis) grupos/ turmas – dois da Pista e quatro de Sangalhos e ainda os Pais/E.E.. Com o objectivo de promover a Leitura e o gosto pela Poesia, os alunos foram convidados a escrever um Texto Poético, da sua própria autoria ou não, num desenho previamente distribuído contendo Ovos da Páscoa. Numa palavra, era suposto haver a junção de produção de texto em verso com produção plástica e estética. A Professora Bibliotecária realça com orgulho e vaidade a participação de todos os discentes no total de 122 (cento e vinte e dois) alunos.

Tal iniciativa contou com a prestimosa ajuda/colaboração dos Pais/E.E. a dois níveis:

1. em casa, em articulação com os educandos, durante a decoração das folhas – modelo atempadamente distribuídas e intituladas “Ovos de Poesia” a fim de serem entregues no dia 23 de Março à Professora Bibliotecária;
2. nas duas referidas escolas, com a vinda de Pais/E.E. que, generosa e abnegadamente, se prontificaram a fazer leituras e ou contar histórias, de acordo com as suas preferências. Não seria comportável a participação de todos os Pais/E.E. por indisponibilidade de tempo dos mesmos e também pela exiguidade da actividade com a duração de 55 minutos por cada sala/turma.

O resultado final nos dois estabelecimentos de ensino foi um sucesso a somar ao das restantes actividades anteriormente levadas a cabo. Viveram-se momentos mágicos, didácticos e muito emocionantes que para alguns ficarão fechados a sete chaves na sua memória. A Professora Bibliotecária guarda, reconhecidamente, ternas e gratíssimas lembranças dos “Ovos de Poesias” mexidos com Leituras… De relembrar que todas estas iniciativas têm por primordial meta educacional a melhoria das aprendizagens dos discentes, o gosto pela Escrita e pela Leitura e um efectivo reforço das aprendizagens. Os magníficos trabalhos dos alunos encontram-se em exposição temporária no átrio interior da Escola Básica de 2º e 3º Ciclos de Vilarinho do Bairro, agora denominada Escola Básica nº 2º de Vilarinho do Bairro, para apreciação e avaliação da Comunidade Educativa deste Agrupamento. A Professora Bibliotecária, Maria Ivone Moreira Saraiva

25 março, 2010

Ilustrações no Jardim-de-infância da Pista

A partir de Leituras de Livros de Literatura Infantil

Ainda no âmbito da Biblioteca Escolar de Sangalhos e como actividade de final de 2º período, os alunos do Jardim–de-infância assistiram no transacto dia 16 de Março ao visionamento e à leitura do “ebook” “O Sapo Apaixonado” da autoria de Max Velthuijs, assim como à leitura da obra “Orelhas de Borboleta” de Luísa Aguilar, actividades levadas a cabo pela Professora Bibliotecária na EB1 da Pista. Estiveram reunidas as duas turmas, demonstrando atenção e interesse, apesar do elevado número de crianças com diferentes idades. Para além disso, registou-se a participação oral de quase todas elas, respondendo às questões colocadas pelas Senhoras Educadoras Amélia e Paula e pela própria Professora Bibliotecária. No final, perante tal adesão e correspondência dos pequeninos às leituras ali apresentadas, foi-lhes proposta a ilustração de dois painéis de cenário a que aderiram com entusiasmo e prontidão. No dia 18, 5ª feira, a Professora Bibliotecária conferiu as verdadeiras obras de arte produzidas por esses jovens artistas… Não constituiu uma real surpresa, pois adivinhava com facilidade a qualidade dos trabalhos em apresentação…É justamente esses dois grandes cenários que aqui são colocados para divulgação da criatividade e imaginação dos alunos do Jardim – de - infância de Sangalhos e respectivo julgamento por parte dos estimados leitores. A Professora Bibliotecária, Maria Ivone Moreira Saraiva

24 março, 2010

Quinzena da Leitura | Biblioleitura

Concurso de Leitura
17 e 18 de Março 2010



Pelo terceiro ano consecutivo, e pelos objectivos que se assinalam, o concurso Biblioleitura 2009/2010 insere-se na Semana da Leitura, promovido pelo Plano Nacional de Leitura, que na nossa escola decorre por quinze dias.

Promover hábitos de leitura
Incentivar a leitura
Sensibilizar para a leitura expressiva

Obras seleccionadas para leitura:

2º Ciclo:

Língua Portuguesa
• O Rapaz de Bronze
• Real...mente
• Pedro Alecrim
• O Rapaz de Louredo
• A Malta do 2º C

3º Ciclo:

Francês
• Un Voleur à l’école
• Je ne veux pás aller au tableau

Inglês
• Marcel and Shakespeare Letters
• Time in the Tower
• Robinson Crusoe
• The Notting Hill Spy Busters
• The Adventures of Tom Sawyer

Espanhol
• Alejo y su pandilla; En Buenos Aires
• El Castillo Alfabético
• Monster House, la casa de los sustos

Um aluno por cada turma do 2º e 3º Ciclos. Os melhores leitores, na opinião dos colegas, que os escolheram. Na Biblioteca honraram a sua fama e não deixaram ficar mal a leitura oral e expressiva, pois para se ler bem, necessário é articular correctamente as palavras, respeitar a pontuação, ler com o ritmo e tom de voz adequado. E para as línguas estrangeiras uma pronúncia inteligível é muito importante.
O Júri, professores entendidos na matéria, fizeram a sua avaliação. Pontuaram os melhores e encontraram-se os vencedores:
A Joana Santos do 5º A e a Maria Francisca do 6º B em Língua Portuguesa; a Nanci Lopes do 7º D em Inglês; a Mariana Santos do 8º A em Espanhol e a Cecília Cadima do 8º B em Francês.
Todos os participantes irão receber um diploma de participação, e livros para os premiados.
Vamos esperar pela festa de encerramento do ano lectivo para se proceder à entrega dos prémios. Para já, e em nome do Departamento de Línguas e da Biblioteca Escolar que promoveram esta actividade, muitos parabéns às vencedoras!...
Noémia M. Lopes (Profª Bibliotecária)

21 março, 2010

Dia Mundial da Árvore e da Poesia

A Poesia nem sempre...

a poesia nem sempre
adopta a forma
de um poema

depois de cinquenta anos
a escrever
a poesia
pode apresentar-se
ao poeta
na forma de uma árvore
de um pássaro
que voa
de luz

adopta a forma
de uma boca
refugia-se no silêncio

ou vive no poeta
livre de forma e de conteúdo

Tadeusz Rózewicz

19 março, 2010

"Os bibliotecários estão completamente obsoletos?"

33 razões por que as bibliotecas e bibliotecários ainda se mantêm extremamente importantes
. Artigo de Will Sherman. Ler aqui: (Extralibris.org)

Ler também: "O Futuro das Bibliotecas" (wl.blog.br)


Salt Lake City Public Library

E (as bibliotecas) podem vir a ser assim? ou assim?...

E por fim, o cartoon da "Bibliotecar".

16 março, 2010

Quinzena da Leitura e Dramatizações na Biblioteca

Escola Básica nº 2 de Vilarinho do Bairro
6ª Feira, 12 de Março

“A Semana da Leitura destina-se a criar na escola um ambiente particularmente festivo à volta dos livros que reforce a adesão dos alunos e o desejo de ler mais.” (Plano Nacional de Leitura)

Pois é! Leram e representaram… os nossos alunos do 5º e 6º Ano.



O 6º C dramatizou o 2º capítulo do “Rapaz de Bronze” de Sophia de Mello Breyner Andresen. Um Encarregado de Educação desenhou o cenário, o jardim com a estátua do Rapaz de Bronze e a Professora de Educação Visual pintou-o. O mesmo Encarregado de Educação também esculpiu em esferovite, a figura do Rapaz de Bronze. Esta pequena representação misturou o teatro de fantoches com o teatro de figuras reais.
Ficou a promessa de no final do ano lectivo estarem dramatizados os restantes capítulos de “O Rapaz de Bronze”. Estamos à espera!...

O 5º C apresentou o "Jogo de Adivinhas", que consistiu na distribuição de cartões com as soluções das adivinhas, a leitura das mesmas por um grupo de alunos e a resposta a ter que ser dada em voz alta, pelo possuidor do cartão correspondente. Por fim todos os cartões foram metidos num panelão, “enfarruscado” como mandam as histórias fantásticas e mexidos por uma encantadora “bruxinha”, que os transformou em… pacotes de bolachas. Todos partilharam da magia, tendo comido uma bolachinha…
Foi ainda lido um poema de Luísa Ducla Soares por um colectivo de alunos.



O 6º B dramatizou um excerto do livro “Pânico nos Himalaias” de Geronimo Stilton. Os alunos criaram o seu próprio fantocheiro e também as figuras que faziam parte do guião. Não faltou a sugestão da neve, conseguida por montes de algodão!…

O 6ªA desempenhou o excerto do Ciclope Polifemo, que faz parte do livro “Ulisses” de Maria Alberta Meneres…aterrador!...Ui!.....

Por fim ouviu-se ler “O Tonecas e as Palavras”, do livro “As Lições do Tonecas” de José Oliveira Cosme. Fizeram a leitura dramatizada um aluno e a sua professora de Língua Portuguesa. Todos se riram com os trocadilhos deste exemplar aluno, que só sabe meter os pés pelas mãos.

Estão todos de parabéns, alunos e professoras de Língua Portuguesa, pelo seu empenho e desempenho!

Noémia M. Lopes (Profª Bibliotecária)

Related Posts with Thumbnails