02 março, 2007

Porquê o Livro? III

Sugestão de:

Cristina Seiça: Professora de Língua Portuguesa do 3º Ciclo.




"Há muito tempo que os livros são uma das minhas paixões. Desde muito nova que devoro livros. Recordo que, quando adolescente, passava tardes inteiras a ler, ou no meu quarto ou no jardim debaixo de alguma árvore. Eram momentos de felicidade total. De todos os livros que li, há uma lista enorme de livros que me marcaram.
Hoje, vou recordar os primeiros dessa lista de livros inesquecíveis.
Por volta dos nove anos, penso eu, comecei a ler "Os Cinco" da escritora inglesa Enid Blyton. Era uma colecção de 21 livros ( ainda me lembro dos títulos: "Os Cinco na Ilha do Tesouro", "Os Cinco e o Circo", "Os Cinco na Planície Misteriosa", "Os Cinco e a Ciganita", "Os Cinco no Lago Negro", "Os Cinco e a a Torre do Mocho", entre outros...), porém só tive uns treze. Mas li-os todos, pois era uma leitora assídua da Biblioteca Municipal. Aquele mundo fascinava-me. Queria viver aventuras como as personagens, fazer o que elas faziam... O Júlio, o David, a Zé, a Ana e o Tim (o cão) iam acampar sozinhos, para o lago, para a planície, para a ilha, para o castelo... E depois, havia aquelas listas enormes de coisas boas para comer, os seus piqueniques... Dormiam ao relento, viviam aventuras e acabavam por sair ilesos depois de enfrentarem vigaristas, ladrões... Era fantástico. Intrigava-me o facto de eles poderem ir sozinhos! Só em Inglaterra, pensava eu! Em Portugal, isso era impossível! Lembro-me que li "Os Cinco e a Ciganita" e "Os Cinco no Lago Negro" aí uma dez vezes sem exagero! Eram os meus preferidos.

Agradeço à Enid Blyton (1897-1968). Os seus livros foram um incentivo para que o meu gosto pela leitura fosse crescendo." Cristina Seiça
-
Enid Blyton
Consulta na Internet:

Related Posts with Thumbnails